Um trem colidiu com um ônibus e deixou 41 pessoas feridas na manhã desta sexta feira em Guapimirim, na Baixada Fluminense. O acidente ocorreu na Rua Ita, na região central da cidade. Segundo coordenador geral da Defesa Civil do município, quatro vítimas precisaram ser encaminhadas aos hospitais Estadual Adão Pereira Nunes e Estadual Alberto Torres. O caso mais grave foi o da vítima encaminhada para esta última unidade de saúde, no qual uma senhora precisou ser resgatada de helicóptero direto do local do acidente. As outras 37 vítimas foram para o Hospital Municipal de Guapimirim.

images

o Corpo de Bombeiros, responsável pela remoção das quatro vítimas, confirmou o nome dos feridos. A senhora em estado grave encaminhada ao Centro de Trauma do Hospital Estadual Alberto Torres é Sandra Regina de Oliveira, de 73 anos. Segundo informações do hospital, Sandra está estabilizada.

Os outros encaminhados ao Adão Pereira Nunes com ferimentos leves são: Ana Maria Ferreira Dias, 61; Cristiane da Costa Gomes, 38 e Ramon Saldanha, 26.

untitled

untitled1

Segundo testemunhas, o motorista do ônibus não respeitou o sinal sonoro e luminoso de uma passagem de nível e foi atingido pelo trem enquanto atravessava trecho da linha férrea.

De acordo com a concessionária SuperVia, a empresa acionou o Corpo de Bombeiros assim que soube do acidente. Os passageiros da composição que colidiu com o coleito tiveram que saltar e caminhar pelos trilhos, acompanhados por agentes da empresa, até a estação Guapimirim.

Devido ao acidente, a circulação de trens do ramal Guapimirim foi suspensa em ambos os sentidos. Em outros ramais, a operação segue sem maiores dificuldades.

O Corpo de Bombeiros informou que homens do quartel de Magé estão no local para auxiliar no resgate das vítimas.

untitled2