Uma brincadeira vem tirando o sono da população: soltar pipa. Parece que virou um perigo transitar na época do ano em que os adolescentes estão de férias e os céu fica engarrafado de tanta pipa, cafifa, raia e outros nomes que venham a ter neste país. Eu soltei muita pipa quando mais novo e na minha época já existia o cerol, conheci amigos que se cortaram igualzinho a este da foto, eu mesmo vivia com os dedos cortados pela linha com cerol, mas parece que agora potencializou o poder de corte com a entrada da linha chilena há pouco tempo nesta diversão. Existem leis que proíbem a venda de cerol, o que falta é uma rigorosa fiscalização.

O descaso é doloroso e enquanto houver o descaso veremos fotos deste tipo, infelizmente.

Pipa 3

 

O rapaz da foto morreu por uma linha com cerol. Perdeu uma vida inteira estudando, trabalhando… por conta de uma linha.

cerol_500_1

 

Soltar pipa não é mais uma brincadeira inocente.

Pipa 2