Começa a operar nesta quarta-feira, a partir das 10h, o primeiro corredor BRT da cidade, o Transoeste, e o Túnel da Grota Funda. A via expressa de ônibus promete reduzir em mais de 50% o tempo de viagem entre a Barra e Santa Cruz. O sistema será implantado aos poucos e nessa fase os ônibus só vão circular até as 15h.

Primeiramente, os passageiros vão poder usar nove estações: Pingo D’Água, Pontal, Recreio Shopping, Nova Barra, Gelson Fonseca, Pedra de Itaúna, Riomar, Novo Leblon e Alvorada. O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é esperado para a inauguração.

Vice-presidente José de Alencar foi o nome escolhido para o Túnel da Grota Funda, que faz parte do percurso. Essa nova via será aberta a automóveis também nesta quarta-feira.

Nesta etapa, serão 11 ônibus em intervalos de 10 minutos. Os coletivos têm ar condicionado e comportam 140 passageiros. O tempo gasto entre Pingo D’,Água e Alvorada vai passar de quase duas horas para 52 minutos. A expectativa é de que 120 mil passageiros por dia usem o Transoeste. Quando o sistema for concluído, no dia 4 de agosto, serão 116 veículos BRTs.

A segunda fase começa dia 23 com as linhas Santa Cruz-Alvorada, expressa (parando só em algumas estações) ou paradora (em todas) e 28 paradas. A mais rápida circulará de segunda a sábado, das 5h à 1h, com intervalos de 5 minutos. A outra circulará todo dia, 24h, a cada 8 minutos. As paradas serão abertas gradativamente.

Não há venda nos ônibus

Quem for usar o Transoeste deve ficar atento: não haverá venda de passagem nos ônibus BRT. Passageiros sem RioCard ou Bilhete Único terão que comprar a passagem nas bilheterias das estações.

 Prefeito Eduardo Paes dá a vez a integrante do COI para embarcar no ônibus do BRT Transoeste | Foto: Marcelo Regua / Agência O Dia

A tarifa de Bilhete Único (R$ 2,75) vai permitir o uso de até três conduções. Assim, no período de duas horas, o passageiro poderá fazer duas viagens com ônibus — alimentadora e comum — e uma da BRT. Os ônibus alimentadores vão levar os usuários dos bairros da Zona Oeste até o BRT.

Nestas linhas, ao pagar a passagem, o passageiro receberá o cartão eletrônico para passar na catraca das estações do Transoeste. O cartão será utilizado até o destino final. O mesmo modelo vale para o Rio Card.