A americana Joyce Maxy Gregory foi presa depois de praticar uma agressão cruel a um homem de 59 anos com quem teria um caso amoroso. Os dois estavam discutindo num apartamento no condado de Shelby, na cidade de Memphis, quando ele ameaçou chamar a polícia e teve seus testículos esmagados com força pela mulher. A vítima, que não teve o seu nome revelado, conseguiu escapar, mas acabou abrindo a sua bolsa escrotal.

De acordo com o relatório do policial M.L. McPherson “um dos testículos saiu da área do escroto”. Ainda não se sabe o motivo da discussão entre os dois. Joyce, de 35 anos, acabou presa e, não satisfeita, tirou as calças e urinou no banco de trás do carro da polícia.

Segundo o site americano “The Huffington Post”, o urologista que atendeu o homem afirmou que o estrago na bolsa escrotal foi corrigido com alguns pontos, sem que haja qualquer sequela no futuro.

Acusada de castração maliciosa e agressão com sérios danos físicos, Joyce só sai da prisão se alguém pagar 20 mil dólares (cerca de R$ 40 mil) de fiança. Ela será julgada no dia 18 de junho. Segundo o site “charlotteobserver.com”, a mulher já havia sido condenada no estado da Carolina do Sul por prostituição, porte de drogas e resistência à prisão.