Presidente da Assembleia Legislativa, Paulo Melo desistiu de transferir os deputados estaduais para o prédio da antiga Bolsa de Valores. O problema é o custo da desapropriação: ele calculava gastar até R$ 170 milhões na compra, mas um laudo preliminar diz que o edifício vale entre R$ 270 milhões e R$ 300 milhões.

O valor é alto, mas inferior aos R$ 500 milhões estimados por donos de salas no prédio, que fica na Praça 15. Agora, Melo irá procurar outro edifício ou um terreno, possivelmente na zona portuária, para fazer a nova sede da Alerj.