Segue a listinha dos deputados homofóbicos da Alerj, que votaram contra a PEC 23, que instituia apenas a orientação sexual no rol dos direitos fundamentais do cidadão. Apenas isso! Não garantia penalidades quanto a discriminação, nem reconhecia o casamento homossexual!

Esses parlamentares deveriam entrar pra lista negra de todas as pessoas sãs de nosso Estado, proncipalmente a deputada Myrian Rios, que fez o discurso mais podre de todos! Em breve estarei esplanando tudo por aqui!

 

1. Myrian Rios

2. Samuel Malafaia

3. Flávio Bolsonaro

4. Édino Fonseca

5. Wagner Montes

6. Clarissa Garotinho

7. Altineu Cortes

8. Graça Matos

9. Graça Pereira

10. Bebeto

11. Roberto Dinamite

12. Edson Albertassi

13. Sabino

14. Xandrinho

15. Márcio Pacheco

16. Waguinho

17. Rosangela Gomes

18. Domingos Brazão

19. Coronel Jairo

20. João Peixoto

21. Alessandro Calazans

22. Alexandre Correa

23. André Correa

24. Bruno Correa

25. Chiquinho da Mangueira

26. Claise Maria Zito

27. Dica

28. Dionísio Lins

29. José Luis Nanci

30. Fábio Silva

31. Iranildo Campos

32. Jânio Mendes

33. Luiz Martins

34. Marcelo Simão

35. Marcos Soares

36. Marcus Vinicius

37. Pedro Augusto

38. Ricardo Abrão

39. Thiago Pampolha

 

A pergunta que não quer calar: Quantos são realmente homofóbicos e quantos tiveram seus votos comprados?? Isso tudo excluindo os deputados que se fizeram ausentes apenas pra não dar um posicionamento a sociedade. Estado laico?? Acho que não!

Anúncios