Aos gritos de ô o bombeiro voltou… o bombeiro voltou… os guerreiros voltaram à escadaria da ALERJ nesta sexta-feira. Mais de 3 mil servidores da instituiçaõ chegaram em ônibus alugados, a categoria está unida governador e este pepino o senhor vai ter que resolver senão a população vai começar a ver o movimento com outros olhos… eles tem família, eles tem amigos… já imaginou uma revolta vermelha sem precedentes neste Estado?

-Acharam que o movimento iria se desmobilizar, mas a tropa está realmente passando por necessidades. Não temos nada contra o governador Sérgio Cabral, só queremos um salário digno – disse Daciolo, que mês passado foi preso por causa das manifestações e liberado depois de trégua para o início das negociações.

Os bombeiros inavadiram o Quartel do Comando-Geral da corporação hoje a noite.

Bombeiros ocupam Quartel do Comando-Geral da corporação - Foto: André Teixeira - O Globo

Por meio de nota, a Secretaria Estadual de Fazenda informou que é o governo que espera por contraproposta, e não os manifestantes. A nota diz que a manifestação desta sexta-feira “representa um novo gesto de radicalização por parte dos bombeiros militares que participam do movimento, na medida em que nenhuma nova proposta foi apresentada até agora e que os reajustes concedidos em junho de 2007, com início em janeiro de 2011, representam aumentos de 1% ao mês até dezembro de 2014, com impacto de R$ 1 bilhão no Orçamento do Estado nos próximos quatro anos”.

 

Uma nova manifestação de bombeiros de todo o Estado do Rio está sendo realizada nesta sexta-feira em frente à Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), no Centro. A expectativa dos organizadores é de que a quantidade de profissionais presentes chegue a dez mil, até o momento cerca de 2.500 bombeiros estão no local. De acordo com a Polícia Militar, o protesto ainda não atrapalha o trânsito no local.

Os bombeiros realizaram no mês passado uma série de manifestações nas quais protestavam por um reajuste salarial e melhores condições de trabalho e chegaram a entrar em greve. O governador Sérgio Cabral chegou a afirmar que o movimento não afetaria o Estado e que até mesmo financiado por políticos de oposição.

No dia 25 de maio, os bombeiros chegaram a se reunir com o secretário de Planejamento e Gestão do Estado, Sérgio Ruy, mas nenhuma novidade surgiu deste encontro, já que a posição do governo não mudou.

Trânsito no centro tá pegando fogo!!!

O trânsito no Centro da cidade está caótico no início de noite desta sexta-feira por causa da passeata realizada por bombeiros. Mais de 4 mil pessoas participam do protesto, ocupando a área central de vias como a Rua Primeiro de Março e a Avenida Presidente Vargas.

Os manifestantes soltam fogos e são acompanhados por policiais militares, mas o caráter do protesto é pacífico. Assim que chegarem à Praça da República, os bombeiros vão se dirigir ao Quartel do Comando Geral do Corpo de Bombeiros.

De acordo com estimativas dos líderes da manifestação, mais de 5 mil pessoas participam da passeata, mas segundo a PM, são 3 mil manifestantes.

Anúncios