Não sou tão vivido no mundo do samba como muitos amigos mas como representante do “povo” normal não posso deixar de lembrar dos desfiles alegres e não tão vinculados as coreografias teatrais dos tempos de hoje. Via os desfiles de anos não tão remotos e via muita alegria, muita leveza e nenhum adestramento teatral…. ah, como era gostoso de assistir… Bem, vocês devem ter percebido que não gosto de escolas “empresas”, de escolas coreografadas, de escolas vendidas… que deixam de lado o propósito do carnaval: pular, cantar, sambar, diversão… sem responsabilidade de obedecer um rito.

Claro que a escola de samba tem que sobreviver… os tempos mudaram… mas parem e pensem: até quando vamos aguentar? Um dia vai saturar este modelo que se implantou… estamos ficando igual as escolas chatas que desfilam em São Paulo, sem sal.. dá sono… Os blocos animam e estão enchendo a cada ano mais porque ainda mantem a magia dos carnavais antigos. Hoje as fantasias são vendidas para alguns e dadas para outros que nada tem a ver com a escola. Mas tem gente que gosta…. e esta gente está destruindo o caranaval sem perceber (ou melhor, ganhando seu dinheiro).

QUE VOLTEM OS BELOS DESFILES DE CARNAVAIS DE TEMPOS MAIS INOCENTES E MUITO MAIS EMPOLGANTES!!!!